terça-feira, 22 de julho de 2003

pensamento dantanho

As relações entre pessos são pontes. Pontes que se constroem, que se destroem, que se alteram.
Umas são levadiças, outras suspensas, outras direitas, outras quebradas.
Umas são quase auto-estradas, outras são finos passadiços. Umas são de ferro, outras de liana entrançada.
Umas vão crescendo outras ganhando musgo.
As pontes não têm vida própria, mas por elas passam sentimentos. Não é de dinheiro que elas necessitam para a sua manutenção.
Algo mágico sustenta as pontes.
As pontes não existem se não olharmos para elas.

Albino Lobo

Sem comentários:

Enviar um comentário